Jovem Programador - Cinco carreiras promissoras na área de programação

Cinco carreiras promissoras na área de programação

Cinco carreiras promissoras na área de programação

Foto: Pixabay

Não há dúvidas de que, entre as profissões consideradas “do futuro”, boa parte está diretamente ligada à tecnologia. Afinal, computadores, tablets, smartphones e outros dispositivos estão cada vez mais presentes no nosso dia a dia e inseridos nos mais diferentes contextos. Em outras palavras, de um simples aplicativo até os computadores com funções super complexas, o mundo está cada vez mais digital.

É por isso que o profissional que cria, desenvolve e mantém softwares é muito requisitado atualmente e, entre a lista de formações em tecnologia, há várias carreiras consideradas promissoras. Para se ter uma ideia, de acordo com a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), até 2025 serão criados no Brasil quase 800 mil postos de trabalho no setor.

Segundo o desenvolvedor e professor do Jovem Programador da Faculdade Senac Palhoça, Wildson Caio Felipe, “para ser um bom programador, é preciso ser curioso e trabalhar bem em equipe, além de solucionar problemas de forma criativa”. Ainda de acordo com ele, o salário para quem está começando pode variar entre R$ 2.800 e R$ 3.500 em Santa Catarina.

Quais são as carreiras mais promissoras na área de programação?

Na lista das profissões que serão mais requisitadas no mercado nos próximos anos, as que exigem formação em programação figuram entre as carreiras mais promissoras. Com a ajuda do professor, listamos cinco que merecem destaque porque estão (e devem seguir) em alta. Confira:

Desenvolvedor

A primeira carreira da lista tem uma posição estratégica nas empresas. O desenvolvedor coleta informações, cria, testa, ajusta, faz a manutenção e garante o funcionamento de softwares para games, web, mobile, desktop e bancos de dados. O principal requisito para ser um bom desenvolvedor é ter criatividade estratégica para resolver problemas.

Analista de BI

Quem tem formação em programação também pode atuar como analista de business intelligence (BI). Esse profissional tem a importante função de identificar tendências que podem ter valor comercial a partir da transformação de dados em insights. Dessa forma, ajuda gestores e profissionais de setores como vendas e comunicação na tomada de decisões.

Web Designer

Não é só com estética e funcionalidade visual que um Web Designer atua. Para ser um bom profissional dessa área, é essencial conhecer linguagens de programação – HTML, CSS, Java, Javascript e Python estão entre as mais usadas. O mercado é amplo, já que todos os tipos de negócios, instituições e órgãos públicos querem (e precisam) estar na internet.

UX/UI Designer

Quando o assunto é design, destacam-se o User Experience (UX) e o User Interface (UI) e saber programação pode ser um diferencial para quem quer trabalhar no setor. Isso porque, na hora de trabalhar com interfaces, o designer que também é programador é capaz de avaliar se o layout é possível e viável. Dessa forma, pode entregar projetos melhores.

DevOps

Essa é uma área que está em crescimento acelerado e as habilidades de programação são requisitos importantíssimos para a carreira de DevOps. O profissional atua simultaneamente em sistemas e infraestrutura e, normalmente, as vagas disponíveis são em empresas de tecnologia, onde o DevOps atua para tornar os processos mais ágeis e seguros.


Publicado em 23/08/2022 13:16:00

Sobre o Programa

O JOVEM PROGRAMADOR é um PROGRAMA de capacitação tecnológica para formação de jovens a partir de 16 anos para atuar em empresas do Estado de Santa Catarina, independentemente do local onde estejam instaladas.

O curso permite que jovens possam se capacitar em Tecnologia da Informação através do parceiro de ensino, o Senac SC - Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - que dispõe de ampla experiência na área de formação e capacitação de profissionais e disponibilizará as instalações em aproximadamente 20 municípios de Santa Catarina.

Os jovens contam com toda infraestrutura técnica e aulas de forma híbrida - online e presencial. 

A empregabilidade é o foco do PROGRAMA, que não mede esforços para gerar aos alunos a oportunidade de conseguir uma boa colocação no mercado de trabalho, especialmente nas empresas patrocinadoras e parceiras. O objetivo é proporcionar aos alunos ensino de qualidade, com metodologia e desenvolvimento de habilidades alinhadas às reais necessidades do setor de tecnologia. 

Em 2024, o PROGRAMA se destina a jovens:

  •  Com idade mínima de 16 anos:

  •  Escolaridade mínima: cursando o ensino médio

  •  Que residam nas cidades beneficiadas pelo programa ou em cidades vizinhas

O PROGRAMA é de iniciativa do SEPROSC (Sindicato das Empresas de Processamento de Dados do Estado de Santa Catarina) e realização do SENAC SC.

Para a edição de 2024, o Jovem Programador estará nas seguintes cidades catarinenses:

Araranguá, Blumenau, Brusque, Caçador, Chapecó, Concórdia, Criciúma, Curitibanos, Florianópolis, Fraiburgo, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages,  Maravilha, Palhoça, Rio do Sul, São Miguel do Oeste, Tubarão, Videira e Xanxerê.

>

Inscrição

Inscrições encerradas